Tamanho 42 E Pronta Para Arrasar (Os Mistérios de Heather Wells #4) ~ Meg Cabot

Neste quarto volume da série de Heather Wells, a protagonista vai precisar resolver mais um dos mistérios que parecem a perseguir. Tania Trace, a mais nova celebridade teen, está noiva do ex-namorado de Heather, Jordan Cartwright, e os dois ganham um reality show só para eles.

O problema é que Tania resolveu gravar o programa em um dos alojamentos da faculdade de Nova York, mais especificamente aquele onde Heather trabalha, e acidentes suspeitos começam a acontecer. Agora Heather vai precisar descobrir quem está por trás disso antes que algo pior aconteça.

Tamanho 42 E Pronta Para Arrasar (Os Mistérios de Heather Wells #4) – Meg Cabot

 ISBN: 978-85-01-40224-0

Editora: Galera Record

Ano de Lançamento: 2013

Estrelas: 5 de 5

Páginas: 400

Atenção, essa resenha contém spoilers dos livros anteriores.

Falando em Tamanho 42 E Pronta Para Arrasar

Dessa vez, a coisa parece estar feia para Heather Wells. Depois de finalmente se resolver com Cooper, – eles estão noivos! – ela descobre que o Conjunto Residencial Fischer, não apenas o Alojamento da Morte, mas também o lugar em que Heather trabalha, será palco do novo reality show de Tania Trace, a mesma Tania que arruinou seu antigo relacionamento com Jordan, irmão de seu atual noivo.

Para completar, além de lidar com algumas dezenas de adolescentes que ficarão no “Acampamento de Rock Tania Trace”, a presença dela e de Jordan, a bagunça toda da produção e a tentativa de esconder seu noivado, Heather obviamente também tem que lidar com mais um assassinato. Afinal, se não tivesse um assassinato, não seria parte de Os Mistérios de Heather Wells, certo?

Mesmo tendo novamente menos foco na parte da investigação e do mistério, esse é, até agora, o melhor livro da série. O romance e a vida pessoal de Heather são tratados com mais carinho por Meg Cabot nesse livro, trazendo, além de boas risadas, algumas surpresas. A leitura é mais fluída que os últimos volumes, tendo um ritmo mais acelerado mesmo nas cenas mais calmas e que não envolvem ação.

O contato e a relação entre a Heather e a Tania era algo que eu estava bastante ansiosa para ver nesse livro. Nos primeiro volumes, sempre tivemos a protagonista falando de como ela havia terminado o relacionamento dela com Jordan, e eu queria muito ver como ela lidaria com a presença de Tania 24 horas por dia, sete dias por semana. Eu confesso que não foi nada do que eu esperava, o que tornou tudo ainda melhor.

O relacionamento dela com o Cooper foi o único ponto que eu achei que a Meg poderia ter abordado um pouco mais. Eu sempre quis que os dois ficassem juntos e, com o final de Tamanho Não Importa, eu fiquei muito animada para ver como isso se desenrolaria. Acabou que a maior parte da interação entre os dois era ou em relação a Tania ou em relação à proteção de seu noivado.

O próximo livro, The Bride Wore Size 12 foi lançado ano passado nos Estados Unidos, mas até agora não temos nada aqui no Brasil… Agora, resta esperar para saber o que de estranho deverá acontecer no casamento de Heather Cooper.

Assinatura_4

 

Anúncios

Tamanho Não Importa (Os Mistérios de Heather Wells #3) ~ Meg Cabot

A ex estrela do pop Heather Wells não tem do que reclamar: seu pai finalmente vai se mudar do apartamento que ela divide com Cooper; ela arrumou um namorado que quer ajudá-la a emagrecer e as coisas no emprego de inspetora de alojamento na Universidade de Nova York vão… Bem, as coisas por lá continuam esquisitas como sempre.

O Dr. Owen Broucho, diretor interino do alojamento Fischer Hall e seu terceiro chefe em menos de um ano, acaba de ser assassinado. Mais uma vez, Heather precisará usar seus excepcionais talentos de investigação se quiser livrar Sebastian Blumenthal, líder estudantil e principal suspeito do assassinato, de uma acusação aparentemente falsa.

Tamanho Não Importa (Os Mistérios de Heather Wells #3) – Meg Cabot

 ISBN: 978-85-01-08273-2

Editora: Galera Record

Ano de Lançamento: 2011

Estrelas: 4 de 5

Páginas: 334

Atenção, essa resenha contém spoilers dos livros anteriores.

Ainda aproveitando a onda do tema “policial”, trouxe um pouco de Meg Cabot para cá de novo.

Em Tamanho Não Importa, nos encontramos de volta no Conjunto Fischer, que parece estar vivendo um momento de paz depois dos últimos acontecimentos. O novo chefe de Heather, o doutor Owen Broucho parece ser uma pessoa bem normal, tirando sua fixação pelo Garfield e alguns problemas com a ex-mulher. A própria protagonista está tendo uma vida bastante comum: ela parece ter superado a sua paixonite por Cooper, arranjou um namorado – seu professor de matemática, Tad – que, além de tudo, quer ajudá-la a ficar saudável.

Bem, isso tudo até o Dr. Brochuro ser encontrado morto em seu escritório. E, como sempre, Heather acaba se envolvendo para tentar solucionar o crime. Para piorar mais um pouco as coisas, o principal suspeito, Sebastian, é, além de um líder estudantil, a paixonite da colega da protagonista, Sarah. As coisas não poderiam ter piorado tanto de uma hora para outra.

Novamente, Meg Cabot conseguiu me prender em seus livros. Eu confesso que, quando li Tamanho Não Importa, estava passando por uma tremenda “ressaca literária”, e escolhi-o sabendo que seria algo fácil e gostoso de ler. Os Mistérios De Heather Wells é uma série que tem tudo para me fazer gostar do livro: ação, suspense, mistério, comédia e, claro, romance.

O destaque do livro para mim foram, realmente, as cenas de comédia. Heather acaba divagando bastante sobre comida no decorrer da narrativa, ao mesmo tempo em que quer entrar em forma e, seus diálogos com Gavin rendem as melhores risadas. As investigações tiveram uma importância menor nesse livro, mesmo com toda a história girando praticamente em torno do assassinato de Owen.

A vida amorosa da protagonista ganhou um destaque maior. Ela tem que conciliar seu relacionamento com Tad com a convivência diária com Cooper, o trabalho no Conjunto Fischer, suas investigações “clandestinas” e, claro, os problemas que seus companheiros de trabalho desabafam com ela.

O livro, no geral, foi muito bom. É difícil eu não gostar de algo da Meg cof cof, A Rainha da Fofoca, e isso ajuda bastante quando tenho essas ressacas literárias… E, felizmente, a série não acaba por aqui, e isso não poderia me deixar mais ansiosa. O quarto volume da série, Tamanho 42 E Pronta Para Arrasar, já foi lançado aqui no Brasil e a resenha vai estar no blog em breve.

Assinatura_4

 

Tamanho 44 Também Não É Gorda (Os Mistérios de Heather Wells #2) ~ Meg Cabot

A ex-estrela pop Heather Wells está de volta, e como de costume vai se envolver em uma perigosa investigação.

Ela é inspetora de um dormitório  da Universidade de Nova York, e está acostumada com festas e brincadeiras estranhas das estudantes.

Quando jovens começam a aparecer mortas no dormitório, Heather acha que pode ajudar, como já fez no passado.

Mas quem está por trás desses assassinatos fará de tudo para se proteger e uma inspetora gordinha não ficará em seu caminho.

Tamanho 44 Também Não É Gorda (Os Mistérios de Heather Wells #2) – Meg Cabot

 ISBN: 978-85-01-08025-7

Editora: Galera Record

Ano de Lançamento: 2009

Estrelas: 4 de 5

Páginas: 415

Mais Meg Cabot! Dessa vez, voltando com Os Mistérios de Heather Wells, o segundo volume da série traz mais um mistério para a nossa ex pop-star favorita. E mais romance!

Em Tamanho 44 Também Não É Gorda, a cabeça de uma aluna é encontrada dentro de uma panela de sopa. Sim, só a cabeça. Não, ninguém sabe onde está o resto do corpo. E obviamente nossa aspirante a detetive, Heather Wells – uma das “conselheiras” do Alojamento da Morte – quer  se colocar na investigação, mesmo o detetive  responsável pelo caso deixar bem claro para ela não se envolver. Inconscientemente, ou não, ela acaba se envolvendo e as coisas não ficam nada boas para o lado dela.

Em comparação com o primeiro livro, esse tem uma dose uma pouco menor de mistérios e já é mais focado na vida amorosa da protagonista, não desmerecendo o livro! O que fez eu me apaixonar por essa série foi exatamente a coisa toda das investigações policiais. Nesse livro a Heather já está mais madura – se é que isso é possível – e lida de uma maneira diferente com a investigação. A protagonista também lida com alguns problemas familiares durante a trama.

Durante a leitura, a autora busca tratar alguns problemas de uma maneira suave, divertida. Não vou contar quais são, pois pode estragar um dos melhores momentos do livro! Tamanho 44 Também Não É Gorda também tem uma pegada para um lado mais comédia. A protagonista passa por algumas situações bem cômicas, mesmo durante a investigação do caso. Sabe aquele momento descontração logo antes/depois de uma cena super séria? Meg Cabot domina essa arte perfeitamente nesse livro.

O próximo? Tamanho Não Importa já está na minha prateleira, apenas esperando para ser lido. Tenho alguns outros na frente dele na lista, mas com certeza Os Mistérios de Heather Wells não vai sair da minha cabeça tão rápido! Afinal, é Meg Cabot, e Heather Wells é uma das personagens mais engraçadas que eu já vi! Diferente da outra série chic-lit que eu li da autora – A Rainha da Fofoca – ela conseguiu segurar o ritmo e as ideias do primeiro livro na continuação. Pontos para a Meg!

Tamanho 42 Não É Gorda (Os Mistérios de Heather Wells #1) ~ Meg Cabot

Heather Wells está no fundo do poço: perdeu seu namorado, nenhuma gravadora se interessa por suas músicas, ganhou peso e só entra em roupas tamanho 42, o pai está atrás das grades e a mãe fugiu para Buenos Aires com suas economias – e seu agente! Mas, aos poucos, as coisas parecem que vão se ajustar. Ela consegue um novo emprego como inspetora em uma faculdade de Nova York e está feliz com seu novo manequim. Mesmo sem o glamour e glória dos dias de ídolo teen, tudo parece ter melhorado. Ou será que ela está enganada?
De uma hora para outra, uma estudante morre misteriosamente no poço do elevador do campus. Os policiais e a diretoria estão prontos para declarar a morte como acidente, mas Heather conhece os adolescentes, e meninas não brincam com elevadores. Ainda que ninguém esteja muito interessado em ouvir suas suposições – mesmo depois que outras estudantes aparecem mortas de maneiras igualmente corriqueiras e sutilmente sinistras -, Heather decide entrar numa enlouquecida caçada para descobrir a verdade.
À primeira vista, a vida de detetive pode parecer uma irresistível aventura, com altas doses de adrenalina, mas a realidade é potencialmente perigosa. Alguns riscos podem ser fatais e nada é capaz de irritar mais um assassino do que uma ex-estrela pop corpulenta enfiando o nariz onde não é chamada…

Tamanho 42 Não É Gorda (Os Mistérios de Heather Wells #1) – Meg Cabot

 ISBN: 978-85-01-07533-8

Editora: Galera Record

Ano de Lançamento: 2006

Estrelas: 5 de 5

Páginas: 411

Acho que acertei nos livros que iriam me tirar dessa ressaca. Meu Deus, o que foi essa leitura? Tamanho 42 Não É Gorda foi um dos primeiros chick-lits que eu li e realmente fiquei apaixonada pela história. Tudo bem, eu tinha quase certeza de que eu iria adorar, já que é Meg Cabot, mas estava muito além de qualquer coisa que eu imaginei.

Bem, o livro, como vocês podem ver na sinopse, conta a história de Heather Wells, uma ex-popstar que chegou ao fundo do poço na sua carreira e agora é assistente de um alojamento estudantil em plena New York City. Tudo parece certo, não? Até que algumas meninas começam a morrer nos elevadores do alojamento, aí a coisa fica feia.

Uma das coisas coisas que me atraíram no livro, além de ser Meg Cabot, foi o mistério policial que envolve todo o livro. Eu amo livros de detetives, espiões, e tudo que envolve esse gênero mais policial/aventura. Eu adorei esse lado que a autora levou a série, saindo do normal do chick-lit e colocando algo que realmente cativasse o leitor, um diferencial do outros livros do gênero.

Toda a fixação da personagem com as mortes das adolescentes cria um clima muito legal para a história, e além disso, esse é um dos primeiros livros que eu vejo uma personagem principal que não é magrinha e perfeita. Heather veste tamanho 42 e se orgulha disso, ela não vê problemas com seu corpo e ele não influencia na vida dela numa maneira psicológica.

Por enquanto, a série Os Mistérios de Heather Wells conta com quatro livros no total, tendo os três primeiro já trazidos ao Brasil pelo Grupo Editorial Record. O próximo livro já está na minha wishlist de Natal e eu estou esperando muito dessa série porque, se ela manter o nível do primeiro livro, vai entrar para as minhas favoritas!