Legend (Legend #1) ~ Marie Lu

O que outrora foi o oeste dos Estados Unidos é agora o lar da República, uma nação eternamente em guerra com seus vizinhos. Nascida em uma família de elite em um dos mais ricos setores da República, June é uma garota prodígio de 15 anos que está sendo preparada para o sucesso nos mais altos círculos militares da República. Nascido nas favelas, Day, de 15 anos, é o criminoso mais procurado do país; porém, suas motivações parecem não ser tão mal-intencionadas assim. De mundos diferentes, June e Day não têm motivos para se cruzarem – até o dia em que o irmão de June, Metias, é assassinado e Day se torna o principal suspeito. Preso num grande jogo de gato e rato, Day luta pela sobrevivência da sua família, enquanto June procura vingar a morte de Metias. Mas, em uma chocante reviravolta, os dois descobrem a verdade sobre o que realmente os uniu e sobre até onde seu país irá para manter seus segredos.

Legend (Legend #1) – Marie Lu

 ISBN: 978-85-7927-209-7

Editora: Prumo

Ano de Lançamento: 2012

Estrelas: 5 de 5

Páginas: 256

Eu devo confessar que estou adorando toda essa “viralização” das distopias, uma vez que todas as que eu li até agora – senão todas, a grande maioria – eu tenho me apaixonado. E com Legend não foi diferente.

O livro conta a história de Day e June, dois adolescentes de 15 anos criados de maneiras completamente opostas numa sociedade cheia de segredos. Enquanto ele é o criminoso mais procurado do país, ela é a garota prodígio do exército da República. E, por uma coincidência, o caminho dos dois acaba se cruzando quando o irmão de June é assassinado e Day passa a ser o principal suspeito.

Ela então é escolhida para participar da busca e captura de Day, e a vingança é o que a move num jogo de caça e caçador. No entanto, as coisas como sempre acabam saindo diferente do planejado e o que June Day acabam descobrindo e criando não é nada do que a República queria.

Por mais que o plot do livro de Marie Lu possa parecer um pouco batido – sociedade futurística que esconde segredos – eu garanto que não é. Quando começamos a descobrir mais sobre o passado dos dois protagonistas, a história começa a tomar um caminho diferente do esperado e Legend vai se tornando cada vez mais e mais viciante.

O livro tem capítulos narrados alternadamente por Day June, e eu já deixei bem claro aqui algumas vezes que eu sou muito fã desse tipo de leitura. A mudança dos pontos de vista nos dá uma visão mais ampla do que está acontecendo, sem nos deixar focado em apenas um lado da história. Especialmente nesse livro, a autora se aproveitou muito bem desse recurso durante os momentos em que cada um está de um lado diferente, sabe?

A continuação da série, Prodigy, já foi lançada aqui no Brasil e eu estou muito ansiosa para continuar a ler a série Legend. Uma adaptação para os cinemas já está sendo negociada, então, quem sabe, daqui a alguns meses veremos June e Day nas telonas?

Assinatura_4

Anúncios